obesidade
Obesidade: os três melhores e os três piores índices do mundo

Spoiler: os seis são próximos, mas comem de forma completamente diferentes.

Há pouco tempo, postamos uma pesquisa do Ministério da Saúde e da ANS que apontava que 60% da população brasileira está acima do peso e que esse índice tinha subido assustadoramente em dez anos. Contudo, o país não é o único a sofrer com o problema.

Os campeões de obesidade

obesidade nauru

Na lista dos que viram o índice explodir, o Brasil fica na oitava posição. O país campeão nesse triste quesito é uma pequena ilha no Pacífico Sul: Nauru tem atualmente 94,5% de sua população obesa, segundo a Organização Mundial da Saúde. Não por acaso, o segundo e o terceiro lugares também vêm da mesma região: a Micronésia e as Ilhas Cook têm 91,1% e 90.9% de obesos em sua composição populacional.

A explicação para o que acontece por lá é uma mistura de genética e destino. Explica-se. Segundo Pedro Teixeira, secretário-geral da Sociedade Portuguesa para o Estudo da Obesidade, os povos dessa região têm uma propensão genética à obesidade, que ficou latente por muitos anos pela falta de contato deles com alimentos industrializados e altamente calóricos. A chegada de exploradores de outros países, entretanto, mudou esse cenário e, com o crescimento das importações de alimentos, o excesso de peso tornou-se epidêmico.

Os que menos sofrem com a obesidade

obesidade japão

Curiosamente, três países relativamente próximos são os com menor índice de pessoas sofrendo com a doença: Japão (1,5%), Cingapura (1,8%) e China (1,8%). Uma alimentação baseada no consumo de verduras, legumes, frutas e peixes ajuda a explicar o fato. Cabe também dizer que os nipônicos têm até mesmo uma lei que ensina crianças e adolescentes a prepararem seus próprios alimentos e manterem um verdadeiro ritual em torno de comida, o que, de certa forma, sacraliza o ato de comer no país.

Ou seja, no combate à obesidade, além da orientação de um bom médico, também vale apostar em uma alimentação mais natural, com menos comida processada.